Antro Particular

01 novembro 2006

SATYRIANAS: uma Saudação à Primavera

Edição 2006 – de 2 a 5 de Novembro
Espaço dos Satyros Um e Dois, Espaço Parlapatões, Next, Companhia do Feijão, Teatro Fábrica São Paulo e Biblioteca Mário de Andrade


Helena Ignez e Mário Bortolotto abrem projeto "Uroborus"
E pelo segundo ano consecutivo, as Satyrianas produzem o projeto "Uroborus", uma peça com a duração de 78 horas, com 156 atores. O texto "Ai de mim", de Nuno Ramos, foi o escolhido para a edição deste ano que tem a curadoria de Sergio Salvia Coelho.
Os atores Helena Ignez e Mário Bortolotto abrem o projeto que conta com a participação de 156 atores. Participam, ainda, do "Uroborus", os atores Pascoal da Conceição, Paulinho Vilhena, Caco Ciocler e Bárbara Paz, entre outros.

78 horas no stop!
Entre os dias 2 a 5 de novembro a Companhia de Teatro Os Satyros promove em sua sede, o Espaço dos Satyros (Praça Roosevelt, 214 – tel. 3258 6345) o evento “Satyrianas, uma Saudação à Primavera”, em comemoração ao 17º. aniversário de sua fundação. Como nos outros anos, o evento será uma vigília cultural com 78 horas de atividades ininterruptas com início na quinta, dia 2, às 18h00.

A grande novidade desta edição das Satyrianas é a participação de outros espaços culturais (como Espaço Parlapatões, Next, Companhia do Feijão, Teatro Fábrica São Paulo e Biblioteca Mário de Andrade), e a ampliação de números de artistas envolvidos na realização do evento.

As Satyrianas deixam de ser uma comemoração dos Satyros para se tornar um evento cultural da cidade de São Paulo, envolvendo artistas de várias expressões e de outras regiões do país. A edição deste ano promete envolver atividades de teatro, música, literatura, artes plásticas, cinema digital e performance em vários locais da cidade. A maior parte dessas eventos são gratuitas, com exceção das apresentações teatrais, onde os espectadores definem o valor do ingresso.

Também será lançado nesta edição das Satyrianas o "Festival dos 78 segundos", que premiará três produções em vídeo digital, documentário ou ficção, realizado sobre e/ou durante o evento. Um juri atribuirá prêmios em dinheiro aos 3 primeiros colocados, respectivamente nos valores de R$ 1 mil, R$ 300 e R$ 200.

Numa iniciatiava inédita, as Satyrianas receberá, pela primeira vez em São Paulo, o projeto carioca "CEP 20000", idealizado pelo poeta Chacal. O CEP - Centro de Experimentação Poética - é um evento multimídia que acontece há 16 anos no Espaço Cultural Sérgio Porto, no Humaitá, Rio de Janeiro. Revelou nomes importantes para a contemporânea arte da música e da performance como Michel Melamed, Chelpa Ferro, Pedro Luís e a Parede, Boato, Casé Peccini, Viviane Mosé, além de ter no palco João Gilberto Noll, Waly Salomão, Fausto Fawcett, Fernanda Abreu, Dado Villa Lobos, Deborah Colker, entre centenas de outros jovens artistas. O CEP é um evento mensal que reúne em média 10 atrações entre poetas, bandas, performers, dança, vídeo e cenas. Já revelou 4 gerações de jovens poetas. Ganhou o prêmio "Urbanidade 2004" pelo IAB (Instituto de Arquitetos do Brasil). Nas Satyrianas, estarão presentes: Luis Felipe Leprevost, Pedro Rocha, Dado Amaral, Pedro Lage, Ledusha entre outros. Além dos convidados: Mário Bortollotto, Ademir Assunção, Marcelo Montenegro, Marcelo Mirisola, Ivana Arruda Leite, Indigo, Maestro Amalfi, Picanha, Marcelino Freire, Caco Pontes, Berimba e Pedro Tostes.

As Satyrianas deste ano fazem uma homenagem ao grupo Oficina e ao ator e diretor Fernando Peixoto. A homenagem ao Teatro Oficina será na madrugada de sexta-feira, às 2h, e será realizado um cortejo do Teatro Oficina à Praça Roosevelt. O ator e diretor José Celso Martinez Corrêa será transportado em uma carruagem.

As noites e madrugadas das Satyrianas estarão reservadas para apresentações de espetáculos teatrais. Dezenas de produções participarão do evento, como a recém estreada "Inocência", dos Satyros.

Também está sendo oferecida uma oficina sobre a metodologia dos Satyros, "O Teatro Veloz: Técnicas e Procedimentos para um Intérprete Contemporâneo", pelo diretor Rodolfo García Vázquez, dos Satyros, patrocinada pelo Núcleo de Teatro Vocacional do Departamento de Expansão Cultural da Secretaria Municipal de Cultura, da Prefeitura do Município de São Paulo.

E pelo segundo ano consecutivo, as Satyrianas produzem o projeto "Uroborus", uma peça com a duração de 78 horas, com 156 atores. O texto "Ai de mim", de Nuno Ramos, foi o escolhido para a edição deste ano que tem a curadoria de Sergio Salvia Coelho.

A Satyrianas é co-patrocinada pelo Departamento de Expansão Cultural da Secretaria Municipal de Cultura, da Prefeitura do Município de São Paulo.


Programação completa

1 – Abertura
2/11 – Sábado
18h00 – Praça Roosevelt
Grupo Parlapatões (“Cagar é bom” e “Amor, eu quero te ver cagar”)
Maestro Amalfi e sua big band Canella, com a participação especial de Mário BortolottoGrupo de Maracatu e Dança Cigana
Grupo de Reggae
Grupo de Hip-Hop

2 – Espetáculos
2/11 – Quinta-Feira
19h00 – “Rubrica Poética”, com o Grupo Taturana – Espaço dos Satyros Dois
21h00 – “Inocência”, com Os Satyros – Espaço dos Satyros Um
21h00 – “A Fedra”, com o Núcleo Dois Tempos de Teatro – Espaço dos Satyros Dois
21h00 – “Prego na Testa”, com o grupo Parlapatões – Espaço Parlapatões
21h:00 – “Fila para Discutir o Mundo” – NEXT
22h30 – “Blue Jeans”, com a Cia. Obscenos do Teatro – Espaço dos Satyros Dois
24h00 – “Borboletas de Sol de Asas Magoadas”, de Evelyn Ligocki – Espaço dos Satyros Um de Evelyn Ligocki
24h00 – “Proibido para Menores”, com o grupo Parlapatões – Espaço Parlapatões


3/11 – Sexta-Feira
01h:30 – “Dorotéia” – Teatro Fábrica São Paulo “Grupo das Dores d0 Teatro”
04h:00- “O Homem que queria ser Rita Cadilac”, de Márcio Américo, direção de Gabriel Pinheiro, com Wilton Andrade, Walter Figueiredo, Thiago Pinheiro, Marcos Amarla e Jailton Rosa – Espaço dos satyros Dois
2h:00 – “D4”, de Nilton Bicudo Espaço Parlapatões
15h00 – “Octrombada”, com o grupo Octrombada –Espaço Parlapatões
19h00 – “Cybernética”, com a Cia. Camarim de Teatro – Espaço dos Satyros Um
19h30 - "Pai", de Marta Baião a partir de Kafka, com os Oficineiros dos Satyros - Espaço dos Satyros Dois
21h00 – “Inocência”, com o grupo Os Satyros – Espaço dos Satyros Um
21h00 – “Os 120 Dias de Sodoma”, com o grupo Os Satyros – Espaço dos Satyros Dois
21h00 – “Estrada”, com a Cia. De Atores Bendita Trupe –Espaço Parlapatões
21h00 – “Nonada”, direção e dramaturgia de Pedro Pires e Zernesto Pessoa – Companhia do Feijão
23h59 – Textículo” – NEXT
24h00 – “Dorotéia”, com o grupo das Dores do Teatro – Espaço dos Satyros Um
24h00 – “A Filosofia na Alcova”, com o grupo Os Satyros – Espaço dos Satyros Dois
24h00 – “Um Chopes, Dois pastel e uma Porção de Bobagens”, com o grupo Parlapatões – Espaço Parlapatões

4/11 – Sábado
01h00 – “Leocádia”, de Ivana Arruda, direção de Marcelo Lazzaratto, com Andréa Dantas – NEXT
2h00 – “Antunes ou Seis Atrizes em busca de uma Personagem Principal”, Cia. Waldemar Neves, direção de Bruno Guida – Espaço dos Satyros Um
02h00 – “Hotel Lancaster”, de Mário Bortolloto, direção de Marcos Loureiro, Grupo Kuringa – Espaço Parlapatões
02h00 – “Sobre Janelas e Filmes”, direção de Gabriel Miziara – NEXT
03h:00– “Primeiro Amor”, de Samuel Becket, direção de Georgette Fadel, com Marat Descarte s – Espaço Parlapatões
04h:00 – “Pé na Estrada”, texto e direção de Paula Chagas, com Paulinho Faria e Nara Ferriani – Espaço dos Satyros Um
04h00 – “O Canto das Baleias”, de Jarbas Capusso Filho, direção de Alexandre Reinecke, com Edu Chagas, Edi Fonseca e Zeza Mota – Espaço Parlapatões
06h00 – “Medusa de Rayban”, de Mário Bortolloto, direção de Didio Perini, com o Teatro da Curva – Espaço dos Satyros Um
16h00 – “Chico em Obras”, com os Oficineiros dos Satyros, direção de Nora Toledo – Espaço dos Satyros Dois
17h30 – “Núcleo Dois Canta A Mãe de Brecht e Gorki”, de Bertold Becht sobre o romance de Maximo Gorki, direção de Sérgio Audi, com o Núcleo 2 do Teatro Fábrica São Paulo – Espaço dos Satyros Dois
19h00 – “Tempestade no Espelho”, de Michel Fernandes, direção de Caio Evangelista, com a Cia. Obscenos do Teatro – Espaço dos Satyros Dois
21h00 – “Inocência”, com o grupo Os Satyros – Espaço dos Satyros Um
21h00 – “Os 120 Dias de Sodoma”, com o grupo Os Satyros – Espaço dos Satyros Dois
21h00 – “Nonada”, direção e dramaturgia de Pedro Pires e Zernesto Pessoa – Companhia do Feijão
24h00 – “Noite antes da Floresta”, de Koltés, direção Francisco Medeiros, com Otávio Martins – Espaço dos Satyros Um
24h00 – “A Filosofia na Alcova”, com o grupo Os Satyros – Espaço dos Satyros Dois
24h00 – “Ex-Filhos”, com o grupo Parlapatões – Espaço Parlapatões


5/11 – Domingo
00h30 – “Por trás do Céu”, Cia. Sinceramente Cínicos, direção de Caio Tedeschi – Teatro Fábrica São Paulo
01h00 – Coçando o sacro, com o grupo GB – Espaço Parlapatões
02h00 – “Tudo ao mesmo Tempo Agora”, direção de Paulo Roço Grupo Profissão Perigo S.A. – Espaço dos Satyros Um
02h00 – “Artaud Caligari ou um Sinfonia Sinestésica em preto e branco”, texto e direção de Ernani Sanchez, com A Liga Carrossel de Memórias – Espaço dos Satyros Dois
02h00 – “D4”, de Nilton Bicudo – Espaço Parlapatões de Nilton Bicudo
03h30 – “It’s showtime folks!”, texto e direção geral de Ronaldo Gutierrez – Teatro Fábrica São Paulo
04h00 – “Um homem cortado em fatias”, direção de Clayton Marques e Rui Longo, com Robson Regato – Cia. Maldita de Teatro – Espaço dos Satyros Um
04h00 – “Augusta, a Rainha Puta” – Espaço Parlapatões
06h00 – “Enantiodromia”, com os Oficineiros dos Satyros, direção Marçal Costa – Espaço dos Satyros Dois
10h30 – “Gênero: Humano”, com o Núcleo 1 da Cia. de Teatro Fábrica São Paulo, direção de Roberto Rosa – Teatro Fábrica São Paulo
17h00 – “Vestir o Corpo de Espinhos”, com o Núcleo Experimental dos Satyros, direção de Alberto Guzik – Espaço dos Satyros Um
18h30 – “Risadas Gravadas”, de Alejando Robino, direção de Alberto Guzik, com o grupo Vulcão de Teatro – Espaço dos Satyros Um
18h30 – “Tempestade no Espelho”, de Michel Fernandes, direção de Caio Evangelista, com a Cia. Obscenos do Teatro – Espaço dos Satyros Dois
19h00 – “Nonada”, direção e dramaturgia de Pedro Pires e Zernesto Pessoa – Companhia do Feijão
20h30 – “Inocência”, com o grupo Os Satyros – Espaço dos Satyros Um
20h30 – “Os 120 Dias de Sodoma”, com o grupo Os Satyros – Espaço dos Satyros Dois
20h30 – “Núcleo Dois Canta A Mãe de Brecht e Gorki”, de Bertold Becht sobre o romance de Maximo Gorki, direção de Sérgio Audi, com o Núcleo 2 do Teatro Fábrica São Paulo – Teatro Fábrica São Paulo
23h00 – “Três paredes e meia”, de Sérgio Pires, direção de Emerson Rossini, com Pedro Vieira – Espaço dos Satyros Dois
23h00 – “O Mistério de Charles”, de Marcos Gomes, direção de Ralph Maizza, com o Teatro da Curva – Espaço Parlapatões

3 – Teatro de Rua
3/11 – Sexta-Feira
17h00 – “Berlam Beloso e a Banda Larga” – Banda performática

4/11 – Sábado
16h00 – “A Farsa do Boi Enganador” – Buraco do Oráculo
17h00 – “Perfeição quando a Tempestade nasce das Luzes” – Grupo Manicômicos


5/11 – Domingo
16h00 – “Gozolândia” – Grupo Ivo 60
17h00 – “A Fechadura” – Grupo Comune


4 – Leituras Dramáticas
3/11 – Sexta-feira
14h00 – “Para um Novo Recomeço”, de Rodrigo Arrigoni, direção de João Fábio Cabral, com Eduardo Chagas, Fabek Capreri, Ygor Fiori e Marisa Lobo – Espaço dos Satyros Dois
14h00 – “Juliette de Sade”, de Patrícia Aguille – Espaço Parlapatões


4/11 – Sábado
14h00 – “Fábrica de Amores”, de Rodrigo Arrigoni, direção de Heitor Saraiva, com Gisa Gutervil e Zeza Mota – Biblioteca Mário de Andrade
14h00 – “Minha Feliz Sala”, de Rodrigo Arrigoni, direção de Júlio César Ribeiro, com Kléber Soares – Companhia do Feijão
15h30 – “Ao seu bel Prazer”, de Júlio César Ribeiro e Edu Renzo, direção de Júlio César Ribeiro, Herny Domingues e Geovane Fermac, com Camila Garcia, Leandro Caldarelli e Kleber Soares – Companhia do Feijão


5/11 – Domingo
14h00 – “Cadê meu Príncipe”, de Rodrigo Arrigoni, direção de Didio Perini, com o Teatro da Curva – Companhia do Feijão

5 – Café Literário
3/11 – Sexta-feira
10h00 – Espaço dos Satyros Um
com: Antonio Vicente Pietroforte, Del Candeias e Fabio Aristimunho


4/11 – Sábado
10h00 – Espaço dos Satyros Um
com: Paulo Ferraz, Heitor Ferraz e Lilian Aquino


5/11 – Domingo
10h00 – Espaço dos Satyros Um
com: Andréa Del Fuego, Ivana Arruda Leite e Victor del Franco


6 – Poesia ao Entardecer
3/11 – Sexta-Feira
17h00 – Espaço dos Satyros Dois
com: Ademir Assunção, Eduardo Lacerda e Marcelo Montenegro


4/11 – Sábado
17h00 – Espaço dos Satyros Dois
com: Claudinei Vieira, Dona Faleiros e Ségio Mello


5/11 – Domingo
17h00 – Espaço dos Sattyros Dois
com: Cristian de Nápoli, Dirceu Villa e Virna Teixeira


7 – Música
3/11 – Sexta-Feira
00h30 – Vanessa Bumagny com a participação de Luiz Pinheiro – Espaço dos Satyros Dois

4/11 – Sábado
15h00 – Helô Ribeiro, Ilana Volcov e Cecília Bernarde – Espaço Parlapatões

5/11 – Domingo
18h00 – “Banda Ritma” – Espaço Parlapatões

8 – Cinema
3/11 – Sexta-Feira
2h00 – Espaço dos Satyros Um
Mostra de curta-metragens


Festival dos 78 Segundos
Durante todo o evento estarão abertas as inscrições para curtas de 78 segundos que documentem as Satyrianas. Inscrições até às 18h00 do de domingo, dia 5. Premiação para os três primeiros colocados no domingo, dia 5, às 23h30.

9 – Especial

Cep 20000
3/11 – Sábado
2h00 – Espaço dos Satyros Dois
Numa iniciatiava inédita, as Satyrianas receberá, pela primeira vez em São Paulo, o projeto carioca "CEP 20000", idealizado pelo poeta Chacal. O CEP - Centro de Experimentação Poética - é um evento multimídia que acontece há 16 anos no Espaço Cultural Sérgio Porto, no Humaitá, Rio de Janeiro. Revelou nomes importantes para a contemporânea arte da música e da performance como Michel Melamed, Chelpa Ferro, Pedro Luís e a Parede, Boato, Casé Peccini, Viviane Mosé, além de ter no palco João Gilberto Noll, Waly Salomão, Fausto Fawcett, Fernanda Abreu, Dado Villa Lobos, Deborah Colker, entre centenas de outros jovens artistas. O CEP é um evento mensal que reúne em média 10 atrações entre poetas, bandas, performers, dança, vídeo e cenas. Já revelou 4 gerações de jovens poetas. Ganhou o prêmio "Urbanidade 2004" pelo IAB (Instituto de Arquitetos do Brasil). Nas Satyrianas, estarão presentes: Luis Felipe Leprevost, Pedro Rocha, Dado Amaral, Pedro Lage, Ledusha entre outros. Além dos convidados: Mário Bortollotto, Ademir Assunção, Marcelo Montenegro, Marcelo Mirisola, Ivana Arruda Leite, Indigo, Maestro Amalfi, Picanha, Marcelino Freire, Caco Pontes, Berimba e Pedro Tostes.


Show de Boate
5/11 – Domingo
4h00 – Espaço dos Satyros Dois
Show de bizarrices, com o grupo Os Satyros.


Zed
O artista plástico Zed pintará Phedra D. Córdoba

Uroborus
texto: ”Ai de Mim”, de Nuno Ramos
Pelo segundo ano consecutivo, Os Satyros realizam este projeto que reúne 156 atores, e que será apresentado durante toda a Satyrianas, por 78 horas ininterruptas, a partir das 18h00 de quinta, dia 29. Idealizado pelo Satyros, tem a curadoria de Sergio Salvia Coelho.

Palco Caçamba
Aberto à performances e improvisos de última hora.

Oficina
De Quinta a Domingo – Espaço dos Satyros Um
Rodolfo García Vázquez e o Teatro Veloz, a metodologia dos Satyros

Bate-Papo
Sábado às 17h00 – Espaço dos Satyros Um
Bate-papo com Rodolfo García Vázquez

Intervenções
Nas entradas dos teatros que participam das Satyrianas:
"Réquiem para um rapaz triste", de Rodolfo Lima – 3/11 às 3h30 – Espaço dos Satyros Um
"Esta propriedade está condenada", direção de Marco Pla, com Bruno Gonçalves e Raiane Cabral – 4/11 às 00h15 – Teatro Fábrica São Paulo
"Absence", direção de Henrique de Melo, com Carolina Angrisani, Henrique de Melo e Pablo Humberto – 3/11 à 1h30; dia 4/11 às 3h30 – Espaço dos Satyros Um
"Emparedamento", direção de Heitor Saraiva, com Carolina Angrisani, Henrique de Melo, Lucas Beda e Patrícia – 4/11 às 17h00 – Biblioteca Mário de Andrade
“Dançando a Poesia”, direção Viviane Neres, com Viviane Neres e Andrea Neres – 3/11, às 3h00 e 23h00 – Espaço dos Satyros Dois
" Menina de Louça", de William Costa Lima, com William Costa Lima e Heloisa Evelyn – 3/11, às 3h00 – Teatro Fábrica São Paulo
“Break Dance”, grupo Contra Ataque – 4/11, às 23h30; 5/11, às 3h30 – Espaço dos Satyros Dois
“Perdoando Deus”, de Juscelino Rosa – 5/11, à 1h00 – Espaço dos Satyros Um


Crítica de Parede
Lançamento do projeto de José Simões, que pretende discutir as peças em cartaz nos teatros Satyros Um e Dois.

10 – Homenagem
3/11 – Sexta-Feira
1h30 – Espaço dos Satyros Dois
José Celso Martinez Correa e Teatro Oficina
Participação de José Miguel Wisnik, Pascoal da Conceição e Celso Sim, entre outros.


5/11 – Domingo
15h00 – Espaço dos Satyros Um
Fernando Peixoto
Participação de Flávio Guarnieri, Maestro Amalfi, entre outros.


11 – Encerramento
Festa de encerramento
5/11 – Domingo
24h00 – NEXT – Encerramento das Satyrianas 2006
DJ Mário Bortolotto


Locais:

Espaço dos Satyros Um - Praça Roosevelt, 214 - Tel. 3258 6345
Espaço dos Satyros Dois - Praça Roosevelt, 124 - Tel. 3258 6345
Espaço Parlapatões - Praça Roosevelt, 214 - Tel. 3258 4449
Next - Rua Rego Freitas, 454 - Tel. 11 3106-9636 / 3457 3340
Companhia do Feijão - Rua Dr. Teodoro Baima 68 - Tel. 3259-9086
Biblioteca Mário de Andrade - Rua da Consolação, 94 - Tel. 3256 5270
Teatro Fábrica São Paulo - Rua da Consolação, 1623 - Tel. 3255 5922

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home